Simulando Cores Reais em Imagens ASTER

Simulando Cores Reais em Imagens do sensor ASTER (tutorial)

As Imagens do Sensor ASTER não tem Banda no Comprimento de Onda do Azul (o Visível é formado por Verde, Vermelho e Infravermelho Próximo).

Assim sendo, não é possível fazer Composições Coloridas em Cores Reais (aquelas que o olho humano enxerga).

O mais comum é fazer a Composição (RGB) em Falsa-Cor usando as Bandas Red(B2)/NIR(B3)/Green(B1) para realçar a vegetação de não-vegetação.

Se você baixar do Earthexplorer.usgs.gov em formato GeoTIFF, ela virá numa Composição Colorida dessa forma (R/NIR/G).

A outra opção é baixar em formato bruto, com todas as Bandas Espectrais, no formato HDF (que podem ser lidas e separadas facilmente no QGIS).

Para simular uma Composição em Cores Naturais, é preciso criar uma Banda no QGIS usando a fórmula (B1*3+B3)/4 na Calculadora Raster.

Depois é só fazer o Empilhamento de Bandas em Raster > Miscelânea > Mosaico (marcando a opção Layer Stack – Empilhamento de Camada).

Lembre-se de entrar as imagens na ordem: (Red-B2, Green-(B1*3+B3)/4; Blue-B1) que o QGIS irá renomear para Banda 1, Banda 2 e Banda 3.

Referências:

http://www.space.bas.bg/astro/Ses2005/r5.pdf

NASA e METI (Japão) disponibilizam dados ASTER (sensor a bordo do satélite Terra) sem custo.

ASTER

A partir de hoje, todas as imagens da Terra adquiridas pelo instrumento de sensoriamento remoto japonês ASTER, operando a bordo do satélite Terra da NASA desde o final de 1999 está agora disponível para os usuários em todos os lugares, sem qualquer custo.

O público terá acesso ilimitado ao banco de dados completo de mais de 16 anos do sensor Advanced Spaceborne Thermal Emission and Reflection Radiometer (ASTER) do Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão (METI) a bordo do satélite Terra, que imageia a Terra para mapear e monitorar as mudanças na superfície do nosso planeta.

O banco de dados do ASTER atualmente consiste de mais de 2,95 milhões de cenas individuais (o sensor do SWIR deixou de ser operacional em abril de 2008).

O conteúdo varia de enormes cicatrizes na paisagem de um tornado EF-5 e as consequências devastadoras das inundações no Paquistão, a erupções vulcânicas na Islândia e os incêndios florestais na Califórnia de Oklahoma.

ASTER Sensor Systems: Baseline Performance Requirements

Subsystem: VNIR

Band No. Spectral Range

(µm)

Radiometric Resolution Absolute Accuracy

(σ)

Spatial Resolution Signal Quantization Levels
1

2
3N
3B

0.52–0.60

0.63–0.69
0.78–0.86
0.78–0.86

NEΔρ 0.5%

NEΔρ 0.5%
NEΔρ 0.5%
NEΔρ 0.5%

≤±4%

≤±4%
≤±4%
≤±4%

15 m

15 m
15 m
15 m

8 bits

8 bits
8 bits
8 bits

Subsystem: SWIR
Band No. Spectral Range

(µm)

Radiometric Resolution Absolute Accuracy

(σ)

Spatial Resolution Signal Quantization Levels
4

5
6
7
8
9

1.600–1.700

2.145–2.185
2.185–2.225
2.235–2.285
2.295–2.365
2.360–2.430

NEΔρ≤ 0.5%

NEΔρ≤ 1.3%
NEΔρ≤ 1.3%
NEΔρ≤ 1.3%
NEΔρ≤ 1.0%
NEΔρ≤ 1.3%

≤±4%

≤±4%
≤±4%
≤±4%
≤±4%
≤±4%

30 m

30 m
30 m
30 m
30 m
30 m

8 bits

8 bits
8 bits
8 bits
8 bits
8 bits

Subsystem: TIR
Band No. Spectral Range

(µm)

Radiometric Resolution Absolute Accuracy

(σ)

Spatial Resolution Signal Quantization Levels
10

11
12
13
14

8.125–8.475

8.475–8.825
8.925–9.275
10.25–10.95
10.95–11.65

NEΔΤ≤ 0.3%

NEΔΤ≤ 0.3%
NEΔΤ≤ 0.3%
NEΔΤ≤ 0.3%
NEΔΤ≤ 0.3%


≤3K (200–240K)
≤2K (240–270K)
≤1K (270–340)
≤2K (340–370)

90 m

90 m
90 m
90 m
90 m

12 bits
12 bits

12 bits
12 bits
12 bits

Referências:

http://www.nasa.gov/feature/jpl/nasa-japan-make-aster-earth-data-available-at-no-cost

https://lpdaac.usgs.gov/dataset_discovery/aster

https://asterweb.jpl.nasa.gov/swir-alert.asp

http://earthexplorer.usgs.gov

– Infelizmente, os sensores do SWIR pifou em abril de 2008, ainda assim o VIS e NIR estão funcionais e tem 15 metros de resolução.

E existem 2 bandas no NIR (NADIR – 3N e Backward – 3B) que permitem fazer restituição de Modelos Digitais de Elevação (DEM) por estereoscopia de imagens.

http://www.geo.mtu.edu/rs4hazards/ksdurst/website/Thesis/ASTER.html